War – Batalhas Mitológicas

Publicado: 11 outubro, 2012 em Jogos de Tabuleiro
Tags:, , , , , ,

A grécia está em guerra, as lutas por regiões está cada vez mais acirrada, cada exército envolvido nesta guerra tem sobre seu controle um ser mitológico para auxilía-los com grande poder na jornada pela conquista.

Os Deuses por sua vez não ficam apenas observando o que os Homens fazem na Terra, mas também não escolhem lados, em usa ansia por popularidade, basta lhe fornecer a oferenda necessária e/ou sacrifício para que venha a intervenção divina. Porém nunca sabemos o que se passa nas mentes dos Deuses e resultados imprevisíveis podem acontecer para ambos os lados da batalha.

Sim amigos/leitores, depois de alguns meses de espera finalmente foi lançado pela Grow o jogo War – Batalhas Mitológicas  (adquira aqui), o jogo vem com duas regras sendo a básica dos demais jogos da série, exceto por ser adaptado para até 4 jogadores (como já foi feito em War – Império Romano) e a regra alternativa, onde você controla as figuras mitológicas que lhe dão maior poder de combate lhe permitindo o lançamento de dado extra especial (1d8) ou até mesmo invocar o poder dos Deuses.

Ao abrir a caixa fiquei surpreso ao cuidado com o pequeno detalhe que lhe traz um pouco mais de imersão ao tempo grego antigo com a bandeja plástica simulando um monumento da época.  Porém ao examinar o manual dei por falta das caixas plásticas com tampa para o armazenamento das tropas, estas que vieram em sacos plásticos, além de 4 cartas com o resumo dos poderes dos Deuses, com o intuito de não ter que ficar olhando continuamente as fichas dos mesmos. (Entrei em contato para ver a possibilidade do envio pelos correios)

Outro fato que deixou a desejar é como diabos é feito a invocação das figuras mitológicas, a instrução simplesmente fala para respeitar as regras do War, mas nunca na história deste jogo existiu a invocação de criaturas… Ao meu entendimento/adaptação, na hora que for realizar a distribuição dos exércitos de direito posso trocar 3 exércitos por 1 figura mitológica (aceito outras interpretações/sugestões).

Infelizmente até o momento deste post não consegui colocar em prática a jogabilidade, mas com o desafio lançado para minha irmã e cunhado acredito que deste feriado não passa.

image

Unboxing – Ficha dos Deuses, moedas de poder divino e tabela de trocas alternativas

image

Unboxing – Manuais de regras

image

Unboxing – Conteúdo da caixa (exércitos, dados, cartas de território e objetivos)

Unboxing – Tabuleiro

Imagem retirada do site da Grow – Batalha em andamento

Anúncios
comentários
  1. Francine Cagnin disse:

    O meu também não veio as caixas plásticas com tampa, você ja recebeu a sua?

  2. Márcio disse:

    opa! não sei se a essa altura você já tirou a dúvida, hehe, mas, pelo que entendi, as figuras mitológicas entram no tabuleiro na fase de distribuição dos guerreiros. elas valem por 3 deles, mas não podem tomar o lugar de guerreiros que já estejam no tabuleiro. sempre devem vir da sua reserva, substituindo guerreiros que você ganha ou pela contagem dos territórios ou pelas trocas. por exemplo: digamos que você começa seu turno com 14 territórios, então tem direito a 7 exércitos. nesse caso, você poderia pôr no tabuleiro 4 guerreiros e 1 mito (4+3), ou 1 guerreiro e 2 mitos (1+3+3). isso, pelo que entendi, também vale se os guerreiros forem provenientes de trocas. o que você não poderia, por exemplo, é usar um ou mais guerreiros que já estejam em territórios seus e somá-lo aos que venham da sua reserva, para assim trocar por um mito.

    • Charlinger disse:

      Infelizmente as regras foram mal escritas, então adotamos essa mesma regra, trocando 3 guerreiro vindos da “caixa ” pela figura mitológica, apesar de não lembrar de restringirem também optamos por não trocar os guerreiros que estão no Hades

      • Márcio disse:

        eu e meus amigos também consideramos que não pode trocar os guerreiros do hades por mitos. e, falando em hades, outra questão (aproveitando pra debater o jogo, hehe): na carta desse deus, dá a entender que o custo de invocação é de uma ficha, mas nas regras fala que você precisa pagar 2 fichas. será que isso foi algum tipo de erro? e sim, qual seria o certo? outra interpretação poderia ser que você paga uma ficha para invocá-lo e no seu próximo turno você pagaria MAIS DUAS para resgatar os guerreiros? e se não resgatar os guerreiros do hades (por esquecimento ou, nesse caso, se não tiver fichas para invocá-lo na próxima rodada), o que acontece: eles ficam presos lá até a próxima vez do jogador ou são descartados permanentemente?

      • Charlinger disse:

        Eu uso só o custo de 1 ficha de devoção para invocar o poder e nada mais.
        Quanto ao esquecidos acho que deve ser combinado entre o grupo, eu usaria a regra:
        -Esqueceu uma rodada, deverá ser pago o custo extra 1 ficha de devoção para resgatá-los, se se esquecer novamente ou não tiver ficha de devoção os querreiros se darão por perdido e retornaram para a caixa

  3. Márcio disse:

    mas, falando em figuras mitológicas, ainda fiquei com uma dúvida sobre como realmente usá-las. achei que tinha entendido, mas lendo outros comentários por aí, comecei a me questionar (o manual das regras é um cocô de tão mal escrito, hehe).

    interpretei o uso dos mitos da seguinte maneira: se houver pelo menos UMA figura mitológica no território (independente de quantos outros mitos ou quantos guerreiros estiverem lá, desde que tenha pelo menos 1 guerreiro, evidentemente), esse território SEMPRE atacará ou defenderá com 4 dados (3 normais + 1 especial), sem poder solicitar ajuda dos deuses. será que todos veem dessa forma? ou em territórios ocupados por guerreiros e mitos você pode ESCOLHER com quem vai atacar/defender – se com guerreiros apenas ou com o mito?

    • Charlinger disse:

      Pelo manual toda guerreiro que estiver em um território que possui uma fihura mitológica recebe os poderes das mesmas, ou seja, todos tem o direito de se defender com os 3D6 + 1D8.
      Também optamos pelo direito do jogador escolher se vai querer usar a figura mitológica.

      • Márcio disse:

        aaah, acho que entendi! agora faz sentido realmente o que ele diz com “o poder das figuras mitológicas se estende a todos os guerreiros do território”, hehe, valeu! 😀

  4. KiraDM disse:

    A Grow respondeu sobre as caixas? O meu também veio sem.

  5. ADEMIR disse:

    O MEU TAMBÉM VEIO SEM AS CAIXAS COM TAMPA. jÁ ESCREVI PARA A GROW . AGUARDO RESPOSTA

  6. KiraDM disse:

    A grow me respondeu, disseram que foi um erro na confecção do manual porque o berço da caixa foi projetado pra guardar as tropas e pediram meu endereço pra enviar um manual novo ‘-‘

  7. Thiago disse:

    Sou jogador de War faz tempo e me divirto muito com minha Família, essa nova regra alternativa que usa alguns poderes não ficaram muito clara e algumas regras ficaram como interpretação de cada jogador.algumas duvidas por exemplo: Quando a figura mitológica é desmembrada e vai para a caixa, posso coloca-la no jogo outra vez em trocas de carta? ou desmembrou já era! (que seria injusto). Segunda duvida: Temos 10 figuras mitológicas e 70 exércitos a regra diz que: Só podemos usar 6 figuras mitológicas e o restante dos exércitos e NÃO pode usar excedentes. Isso é interpretação pois eu entendi que os excedentes são as 4 figuras mitológicas que NÃO podemos usa-las no jogo, e assim como a regra anterior podemos sim usar o que tem na caxinha exceto os excedentes que são as 4 figuras mitológicas. Fizemos um teste jogamos sem usar os que foram para a “caixinha” ou seja, só utilizamos as 6 figuras e os 70 exércitos somente,chegou certo momento no jogo que não tinha mais exércitos para colocar exceto os que eu não podia “mexer” que estava na caxinha, fiquei sem trocar as cartas e sem colocar novos exércitos e por pouco quase não teve ganhador. Realmente isso está certo? Ficamos “Limitados” a 70 exércitos e 6 figuras mitológica o jogo todo? que as vezes dura mais de 4 horas? entrou na caixinha não mexe mais? Terceira duvida: Na página 4 diz a regra que “Cada Deus só pode ser invocado uma vez “POR ATAQUE”…tbm pode ser entendido de varias maneiras uma delas é: Esse ataque é contra um exercito? ou seja se eu tiver atacando o exercito amarelo e usei Zeus e depois fui fazer OUTRO ataque no exercito preto então posso usar de novo zeus? OU estou atacando uma Região e usei Zeus e depois fui atacar outra região, então possa tbm usar zeus correto? pois é OUTRO ataque. OU é por RODADA? (ISSO A REGRA NÃO FALA). Por favor precisamos de uma explicação clara sobre essas novas regras. É um jogo sensacional e precisamos jogar de maneira certa porém as regras não está muito clara e pelo que andei pesquisando a duvida é de muitos.

    • Charlinger disse:

      Desculpe pela demora em responder, mas vamos ver se posso ajudá-lo.

      1 – Segundo as regras, você pode sim colocar uma figura mitológica de volta ao jogo, mas somente na distribuição do exército no início da sua rodada, sendo por trocas das cartas ou substituindo por 3 exércitos ao qual tem direito por territórios/2

      2 – No caso da regra alternativa você só poderá ter 6 figuras mitológicas em jogo (por serem teoricamente mais fortes), o excedente significa que se já tiver os 70 soldados e as 6 figuras mitológicas em jogo não pode usar nada para acrescentar mais exércitos em jogo.

      Nada impede que seja utilizado os “mortos”

      3 – Apesar de ser meio confuso o parágrafo à cima desta regra diz o seguinte:

      “Com a invocação dos Deuses, os ataques tem dois momentos: 1) Acontece a disputa de dados normal. 2) Invocação dos Deuses (iniciada pelo jogador atacante), que dura até os 2 JOGADORES PASSEM A VEZ”

      Logo subentende que a utilização dura até o final da rodada, uma vez que o atacante precisa passar a vez para finalizar a invocação do Deus em questão.

      Boa diversão.

      • Thiago disse:

        Valeu pela resposta irmão!
        Para vc vê o quanto está confuso essa regra mandei um e-mail para a Grow e obtive a seguinte resposta: Tem um vídeo no YOUTUBE do Sergio sobre regras Alternativas são essas regras que está certa. se vc quiser deixa seu e-mail aqui que vou lhe encaminhar a resposta da Grow. Segundo o vídeo que vi varias vezes esse seu segundo ponto está errado. Ou seja vc só tem 6 figuras mitológicas e 70 exércitos para utilizar durante o jogo e vc está LIMITADO a isso. Ou seja morreu e voltou para a caxinha já era.

      • Thiago disse:

        * O vídeo do youtube é do Renato Cracco e não do Sergio como mencionei acima.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s